terça-feira, 21 de maio de 2013

FLÁVIO DINO DIALOGA COM INTERNAUTAS ATRAVÉS DE VÍDEO-CONFERÊNCIA. É MAIS UMA INOVAÇÃO DO PRÉ-CANDIDATO OPOSICIONISTA


É a primeira vez que um político utiliza essa  ferramenta de comunicação no Maranhão. Através de vídeos abertos com todos os participantes, em que todos podem falar e ser vistos ao vivo, Flávio Dino e convidados conversaram sobre o contexto político, econômico e social do Maranhão.
Gerou intensa participação dos usuários das redes sociais a interação de Flávio Dino através de videoconferência. Participaram do debate o jornalista John Cutrim e foram selecionados ainda dois usuários de redes sociais, Júnior Lima e Gutemberg Braga. A escolha foi feita através de perguntas enviadas por diversos usuários das redes sociais durante a manhã e a tarde da última segunda, respondidas por Flávio Dino.
Interação
É a primeira vez que um político utiliza a ferramenta no Maranhão. Através de vídeos abertos com todos os participantes, em que todos podem falar e ser vistos ao vivo, Flávio Dino e convidados conversaram sobre o contexto político, econômico e social do Maranhão.
Outros usuários das redes sociais também tiveram participação garantida através da mediação feita pela assessoria de Flávio Dino.
Ponto alto
O bom humor foi o ponto alto da videoconferência. Com o alto-astral típico das redes sociais, Flávio Dino brincou com usuários do twitter e do facebook. Foi perguntado sobre futebol, notas no Enem e tons de gravata.
"Autorização"
O blogueiro John Cutrim fez uma das melhores indagações, brincando com os últimos acontecimentos políticos do Maranhão: “Flávio Dino, gostaríamos de saber se você já mandou um ofício para a oligarquia pedindo autorização para pisar no Maranhão neste final de semana.”
O presidente da Embratur - que tem liderado o movimento Diálogos pelo Maranhão percorrendo diversos municípios e colhendo informações sobre todas as regiões do estado, ouvindo a população, - não perdeu a piada. Todos riram e comentaram: "Uma proposta maluca".
Gutemberg Braga finalizou: "Será que tem autorização pra fazer essa videoconferência?" 
Assista  o conteúdo completo da videoconferência:
(Da assessoria)

Nenhum comentário: